terça-feira, 4 de janeiro de 2011

Confirma-se: comer muito e não mexer, é ver-me a encher...

Lindo verso, da minha autoria, traduz o que se passou na última semana e meia o que comprova que o meu metabolismo não acelerou com tanto desporto e é uma equação lógica que dá sempre um somatório crescente: comer muito + não me mexer = ter mais peso.
Eu nem me "queria" pesar mas com o início do ano, iniciaram-se as pesagens no ginásio e ainda que desconfiasse, no fundo achava que tinha o mesmo peso de há duas semanas atrás porque aperto o cinto no mesmo sítio e não notei nada 'apertado'. Mas depois percebi que desde há duas semanas para cá que engordei 1,800 Kg!!! Fantástico, hein?! Isto é mesmo a prova de que não me posso descuidar!!! E percebi também porque não se notava em lado nenhum: as medidas aumentaram onde?... Na malvada da coxa, pois está claro, o meu ponto fraco!!! Toma lá mais centímentros na coxa que é para aprenderes a não comer tantos doces.
Claro que isto pode parecer obsessivo porque em relação à pesagem mensal, aumentei 'apenas' 600 gramas que num corpo como o meu nem faz diferença nenhuma mas não gostei de ter peso a mais, ora essa, ainda que não se note nada também, admito...
De qualquer forma, agora toca mas é a fechar a boca e a pôr de lado os doces e chocolates que, (in)felizmente, ainda abundam lá por casa...

Sem comentários: