sábado, 8 de janeiro de 2011

Realmente, exercicío é quando uma pessoa quiser

E há que conjugar o exercicío de acordo com os gostos e rotinas de cada um. Quando não é possível num dia ou numa hora, faz-se noutro momento e é isso que tento fazer já que a minha vida não é "linear" e sempre igual. "Aprendi" também isto nas dicas dos treinadores do "The Biggest Loser" e é realmente uma grande verdade.
Felizmente gosto de praticar desporto e por isso, e depois de ter (quase) "tudo" despachado em casa, há sempre aquele 'bichinho' cá dentro que chama para me ir mexer.
Lá fui eu com a cadela e soube-me mesmo bem correr, subir e descer escadas, andar muito depressa e, principalmente, andar em silêncio no meio da natureza e das árvores, da lama e da água que restava da chuva, metida comigo e com os meus pensamentos.
Foram quase 5 quilómetros que gastaram 300 e tal calorias, foi muito bom e estou deserta que cheguem os dias maiores e o bom tempo para poder fazer isto durante a semana, como fazia antes da chegada do Inverno, e não estar limitada às corridas do fim-de-semana...
É bom e recomenda-se e eu era daquelas pessoas que dizia sempre que gostava de todos os desportos excepto correr. E agora aqui me têm...

Sem comentários: