quarta-feira, 1 de junho de 2011

Acho que o filhote merecia prendas a dobrar pela atitude...

No fim-de-semana fomos comprar uma prendinha para um amiguinho do filhote que fazia anos com festa incluída. Como o Continente estava com 50% de desconto nos brinquedos pensámos logo no Dia da Criança e em como comprar algo para o filhote sem ele se aperceber disso...
Percebemos que tinha gostado muito do que tínhamos comprado para o amiguinho e então pegámos numa segunda caixa.
Curioso como sempre perguntou para quem era aquela caixa. Respondemos que era para o filho dum colega do pai que também fazia anos.
Em laivos de segundo imaginei que iria começar uma birra descomunal em pleno supermercado com direito a gritos e a exigências mas qual não é o nosso espanto quando diz apenas um tranquilo "está bem" e nem falou mais no assunto. Também não pediu brinquedos, ainda que estivesse no meio deles e deixou-nos muito admirados com a sua atitude...
E é por isto que digo a brincar que merecia brinquedos 'a dobrar' pela atitude que teve... Só logo quando chegarmos do trabalho é que lhe vamos dar a prendinha...
Hoje esperava-o um dia feliz na creche, com direito a passeios e a insufláveis... Não está connosco durante o dia e tenho imensa pena de não podermos comemorar este dia juntos mas sei que está bem com os amiguinhos e as educadoras e as auxiliares da escolinha...
Feliz dia a todos porque quando deixa de existir um lado criança dentro de nós é porque estamos a ficar chatos e cinzentos...
;)

1 comentário:

Ana disse...

Concordo plenamente contigo,qd deixamos de ser crianças...não vivemos,vegetamos.
um beijão