segunda-feira, 5 de setembro de 2011

Um bocadinho de adrenalina...

Um bocadinho de adrenalina a andar de bicicleta, algures no meio dos 20 quilómetros que pedalei, é começar a descer uma descida mais que íngreme, completamente inclinada, tão inclinada que por norma a desço a pé e a segurar a bicicleta, ir a uns míseros 5 km/hora e sempre a travar esperando a qualquer segundo espetar-me com a cara e o corpo no chão, e de repente, quando a descida deixa de ser tão íngreme, largar os travões e desatar a pedalar numa velocidade a 20 Kms/hora!
Ui, bem, que adrenalina!!! Até soltei um grito, uma espécie de "eh lá, que sensação extasiante!!!".
E pronto, foi isto. Suponho que quem não ande de bicicleta por esses campos fora não compreenda esta excitação, animação, entusiasmo e sei lá que mais, e eu também compreendo quem não compreende isto.
É isto e o ultrapassar de etapas atrás de etapas, é o conseguir pedalar subidas nunca antes conseguidas, é superar obstáculos e dificuldades, é sentir o corpo a trabalhar e a transpirar, é sentir as pernas, entre os joelhos e a coxa a enrijecerem, a esforçarem-se, a "puxarem pelo cabedal".
Que vicío que se havia de instalar em mim...
:D

(foto da net)

1 comentário:

Ana_paula disse...

Tanto tempo sem cá vir mas já vi muitas novidades, muito exercicio, muita pedalada


Jocas