sexta-feira, 14 de outubro de 2011

Push to the limit...

Desconhecia a máquina que está na fotografia que aqui deixo.
Desconhecia também os seus efeitos.
Desconhecia os seus menús.
Desconhecia como a colocar a trabalhar.
Desconhecia que se podia ver televisão na dita...
Desconhecia que tem um grau de dificuldade que vai de zero a vinte e cinco...
Desconhecia que faz transpirar muito...
Vai daí que nos estivémos a conhecer durante dois ou três dias durante dez minutos em cada dia. No primeiro dia ficámo-nos pelo grau zero na dificuldade. No segundo e no terceiro, fomos até ao grau dez. E hoje, bem, hoje fomos até ao grau vinte e cinco pelo que suponho que amanhã não consiga andar lá muito bem...
Foram quinze minutos, inicialmente no grau dez, depois passei para o grau quinze e nos últimos cinco minutos a coisa andou pelos graus vinte e vinte e cinco. Quis ir ao 'limite' para ver até onde aguentava o meu esforço e a verdade é que quando aumentei o grau, comecei a transpirar mais e a sentir as pernas a esforçarem-se mas sendo suportável...
Posto isto, em quinze minutos gastei a módica quantia de 230 calorias... Mais as 115 de quinze minutos na passadeira, fora os outros quinze/vinte minutos em esforço que me fizeram o suor descer pela cabeça e pela cara abaixo, nem sei quantas calorias foram à vida na totalidade. Pelo menos umas 400/450 foram-se de certeza...
:D

(imagem daqui - recomendo a leitura deste 'site' pois tem conselhos interessantes...)

1 comentário:

Elsa disse...

só me apetece dizer... ganda maluca eh eh :D