sexta-feira, 9 de março de 2012

Foi mesmo isto que se passou na minha perda de peso...

Perdi, lenta e gradualmente, 26 quilos num ano, a uma média de 2 quilos e pouco por mês. Houve um mês, único na minha vida, e sétimo ou oitavo no emagrecimento, em que perdi cerca de 4,700 Kgs, foi mesmo assim um recorde de perda de peso na minha vida...
Mas o ideal é realmente perder peso de forma lenta e gradual para que a flacidez não ataque e para que, acima de tudo, o peso não volte num ápice.
Milagres existem mas de forma lenta, regrada e com muita força...
Nunca pensei que fosse possível perder tanto peso e afinal consegui, sem medicação, sem aspira gorduras e sem aspiradores em cima de mim, sem produtos e sem cremes milagrosos ou tecnologias esquesitas...
Perdi peso com uma alimentação regrada tendo reaprendido a comer e com exercicío físico. O resto está dentro de nós...

1 comentário:

Maria Sem Frio Nem Casa disse...

Pois porque milagres até os há, temos é de lutar por eles, agora se nada fizermos e esperarmos o tal milagre, jamais se realizará.

Para emagrecer "só" temos de gastar mais energia que aquela que ingerimos.

Até parece fácil não é? mas o certo é que não há mesmo outro método (claro podemos retirar gordura por lipoaspiração ou cortar uma perna, coisas assim , que também ficaremos mais leves, mas acho que não é essa a ideia. Até porque adoptarmos um comportamento que nos faça manter o peso e não voltar a engordar é essencial, se não, tudo voltará ao mesmo.

Dou-te os meus parabéns e continua!