sábado, 24 de março de 2012

A minha primeira vez a pedalar às escuras...

A minha primeira vez a pedalar à noite aconteceu ontem e foi espectacular...
Tudo aconteceu de repente ao fim da tarde e a vontade de pedalar era tanta que eu e o pai cá de casa saímos de casa quase com o pôr do Sol e regressámos naquele lusco fusco, fim do dia, início da noite... Não estava frio nem vento e eu adorei a sensação de pedalar mato fora, às escuras, e apenas com as luzes das bicicletas apontadas ao chão. Não sabia em que mudanças ia, não dava para ver, e por isso pedalava ao sabor do meu instinto e do que sentia ao 'conduzir' a bicicleta...
Foi uma sensação muito boa e dei por mim a comentar que agora percebia o porquê de existirem maratonas de BTT à noite... Deve ser cá uma adrenalina que se fica banzado...
O pai cá de casa instalou as lâmpadas à frente das bicicletas e assim que escureceu, ligámos as luzes e percorremos diversos quilómetros assim e que bem que me soube...
Sinto-me numa sensação estonteante quando pedalo e ontem esta sensação foi maior pela novidade da pedalada noturna... Podíamos ter pedalado mais mas com os receios da escuridão viémos andando (pedalando) para casa...
Os dados de ontem foram:
- melgas e  mosquitos à fartazana que nos entraram pelos olhos dentro e que me fizeram soltar as lágrimas tal era a invasão pela minha vista dentro...,
- 19.5 Kms pedalados em 1h07minutos, a uma velocidade média de 17.4 Kms/hora.
- 712 calorias gastas.
Para repetir... muitas mais vezes...

Foto tirada em plena pedalada.

Eu na penumbra do anoitecer, no lusco fusco, como se fosse um filme de vampiros e eu própria pareço uma assombração mas foi muito bom :-)

Sem comentários: