sexta-feira, 11 de maio de 2012

Isso agora não interessa nada

Mas afinal ontem, chegada a casa e depois de uma aula de Body Balance à hora de almoço, fui pedalar.
O corpo pedia, a alma também e lá fui eu dar uma voltinha quase plana e sem subidas para matar o vicío depois de não ter pedalado mais desde a maratona de Domingo passado.
Não sei se estou a ficar doente ou a precisar de terapia mas a verdade é que já não consigo passar mesmo sem pedalar.
Fui buscar o filhote à creche, fomos para casa, adientei o jantar e cá dentro pupulava uma vontade imensa e pegar na bike e ir.
Entretanto chegou o pai cá de casa, equipei-me e lá fui eu...
Pergunto-me se não será demasiado o exercicío que faço mas ao mesmo tempo penso que tenho que aproveitar o tempo que tenho porque há dez anos não tinha 30 anos e daqui a dez terei quase 50... É como se agora sentisse que o tempo passa mais depressa, que me escapa entre os dedos e que tenho que aproveitar ao máximo enquanto posso e consigo.
E depois também me dá ânimo constatar que grandes 'bttistas' mulheres são da minha idade e/ou até mais velhas, por isso, nada de pensar que estou fora do prazo para pedalar...
Sinto que realmente sou muito regrada, que não falto ao ginásio e que agora no Verão vou pedalar quando der.
:D

Sem comentários: