sexta-feira, 13 de julho de 2012

Afinal ainda consigo ser surpreendida ou "sinais" quando se pensa em "deixar" algo...

Depois de tantas desilusões desde que me mudei para o Oeste, já por aqui tenho referido que tal me fez ficar um pouco "descrente" em relação às pessoas no geral... Por norma não espero nada de ninguém e assim vou vivendo, muito mais 'protegida' e muito menos dada a 'desilusões'...
Também ontem aqui referi que por vezes penso para que me dedico tanto à bicicleta se a própria me tem dado problemas mecânicos e tantas quedas e mazelas no corpo...
E quase quando estou prestes, não a desistir, mas a deixar a bicicleta para um ritmo mais "lento" eis que sou surpreendida no bom sentido o que fez com que o meu alento ficasse muito mais animado...
Ontem ao fim da tarde, e mesmo depois de uma aula no ginásio à hora de almoço, decidi ir dar uma volta (calma) de bicicleta.
Estava já equipada e a preparar um lanche ao filhote quando as pessoas que tinha encontrado no dia anterior a pedalar, e que são ultra prós, se "abeiram" da nossa casa a perguntar se eu queria ir com eles.
No Oeste é assim, toda a gente se conhece...
E eu nem queria acreditar... Fiquei super contente porque não esperava ser supreendida assim e muito menos que me fossem chamar para ir pedalar com eles.
E isto foi um dois em um porque foi como que o estímulo que eu precisava para arrebitar em relação à bicicleta e algo inesperado de pessoas que conheço mais ou menos "de vista" e que admiro por pedalarem tanto e tão bem...
Só posso dizer que foi muito bom. Treinar acompanhada e por quem tem muita experiência é algo completamente diferente... Senti-me a puxar por mim própria para os acompanhar e acho que não pedalava assim tão depressa há tanto tempo... Aliás, mesmo com vento fresco, transpirei muito mais do que o habitual o que só por si é um sinal...
E depois o facto de também 'haver' uma mulher é ótimo porque já se sabe que, por norma, os homens têm muito mais força a pedalar.
Sendo uma mulher a servir de inspiração ajuda a querer aprender com ela, a segui-la, a tentar acompanhá-la e ir recebendo dicas e indicações...
Adorei o treino de ontem e por isso, mesmo com algumas subidas íngremes, pedalámos 32 quilómetros numa hora e quarenta e cinco minutos com uma altimetria de 530 mt a uma média de velocidade de 18,1 kms/hora... Lá se foram 1200 calorias...
Não sei se isto se irá repetir, espero muito que sim, aliás falámos em treinar hoje mas parece que não vai dar por "minha causa" e por causa da minha vida mas é bom treinar com quem nos entende, com quem admiramos e que tem uma vida parecida com a nossa, a de também ser mãe, mulher, trabalhar e ter a mesma idade...
Assim não começo com pensamentos parvos de que sou "única" e por isso menos "normal" do que o habitual...
:D

Sem comentários: