domingo, 29 de dezembro de 2013

Pedalada de domingo de manhã

E assim se passou uma manhã a pedalar. Os quilómetros foram quase os mesmos do costume (cerca de 43 Kms) mas o tempo demorado foi maior porque encontrámos diversos obstáculos pelo caminho, nomeadamente a água que subiu e invadiu parte dos 'estradões' por onde é habitual pedalarmos.
Aliás, hoje tinha mesmo que perder os medos e os receios de ir em frente com a bicicleta sobre riachos e água que molharam pés, sapatos e meias e que subiram até meio das rodas. Hoje não havia lugar a hesitações, ou se ia em frente, sempre em equilíbrio na bicicleta dentro de água, ou não se podia avançar por outro lado ou caia-se para dentro de água. Fiz isto quase como que um desafio para mim mesma... Sinto que superei mais um medo, um receio, que avancei sem medos, que devia ser assim na minha vida, ser mais corajosa e ambiciosa e aventurar-me sem pensar muito nas consequências, que para chegar ao outro lado tinha que seguir em frente sem sequer pestanejar, enfim...
Como hoje éramos um grupo grande, também nos aventurámos por caminhos mais complicados e técnicos, cheios de valas, lama, muita lama, pedras e areia. Transpirei que me fartei, tanto que foram gastas cerca de 2200 calorias que é mais do que uma dieta 'normal' diária para uma mulher. Ainda assim, nalgumas fotos salta-me à vista a minha anca e os glúteos um pouco mais 'volumosos' do que eu desejaria... E por isso o melhor que tenho a fazer é deixar passar estes dias e as comidas excessivas próprias da época e em janeiro meter na cabeça que quero e preciso de emagrecer uns quilitos, aqueles que não me deixam gostar de ver "na totalidade" nas fotos...


Sem comentários: