segunda-feira, 20 de janeiro de 2014

A propósito de nada...

Os dois sentados no sofá a ver televisão.
A propósito de nada, o filhote vira-se para mim e diz: "Sabes mãe, eu depois vou ter muitas saudades tuas".
Desculpa filho, não estou a perceber...?
"Sim mãe, porque tu um dia vais primeiro para o céu mas não faz mal que eu mais tarde vou ter contigo".
(silêncio constrangedor...).
Olhos vidrados num misto de tristeza e de espanto com esta conversa tão adulta numa criança de 7 anos e a propósito de nada.
Caíu-me uma lágrima.
Demos um abraço.
"Tens saudades do avô, e por isso estás a chorar mãe?"
Sim filho, tenho saudades do avô.
Silêncio.
Abraço.
Olhar em frente no infinito e para a televisão.
Finalmente o sono...

2 comentários:

Corre como uma menina disse...

Às vezes os miúdos surpreendem-nos nas conversas e ligeireza de entendimento que revelam...

Maria Sem Frio Nem Casa disse...

Forma de exteriorizar, forma de "aceitar", forma de se "conformar"...porque a vida é mesmo assim e ele pequenino tem também os seus mecanismos de defesa, de protecção, para se manter equilibrado e seguir em frente.