sexta-feira, 16 de maio de 2014

Exercitar

Fui ao ginásio na segunda-feira. Entretanto não regressei. Não deu por causa dos horários e da minha vida e porque quando deu eu optei por ir pedalar ao ar livre... Com o tempo melhor prefiro andar de bicicleta do que ir para dentro do ginásio pedalar nas bicicletas que não saem do mesmo lugar, manias, dias, vontades, humores, depende...
Mas o facto é que me sabe imensamente bem ir, chegar ao pé do mar, tomar um café, relaxar um pouco e seguir viagem. E na verdade gostava de me sentir assim em provas e maratonas. Às vezes acho que as minhas prestações não são melhores, não tanto pela parte física, mas porque me enervo e parece que bloqueio. Basta ver que a pedalar sozinha ando sempre muito mais depressa do que nas provas... Gostava de me descontrair mais e fazer as provas "na boa" e é só nisso que tenho pensado, afinal, isto é apenas um 'hobbie' prazeiroso que descobri talvez um pouco tarde (?), por volta dos 35/36 anos. Nunca fui desportista e por isso não é agora que a minha vida se vai basear nisto... Queria mesmo era estar mais relaxada nas maratonas. Bem sei que precisamos de energia extra mas no meu caso acho que até fazia bem acalmar...
Como estava a dizer, no tempo livre que tive fui dar uma volta de bicicleta, foram cerca de 52 kms em três horas, sendo o percurso 90% feito em terra e fiz muitas subidas para ver como me aguentava e aguentei-me mais ou menos, acho sempre que podia fazer melhor...
Mas foi uma pedalada em que me forcei a mim mesma a esforçar-me mais do que é costume, como se tivesse alguém a "mandar" em mim e por isso transpirei muito, fiquei quase sem fôlego nalgumas espécies de "sprints" e nas subidas. Cheguei a casa cheia de pó e quase com os pés feridos mas isso significa que terei que comprar outros sapatos de encaixe, 'oh que chatice...'
Inspira e expira... 
 

Sem comentários: