segunda-feira, 21 de julho de 2014

Às vezes é também isto...

Gostei tanto... 
É bom para aqueles dias em que não se acredita ou espera nada ou quase nada de ninguém ou de quase ninguém...


Sem comentários: