terça-feira, 23 de setembro de 2014

'Finalmente' fui (regressei) ao ginásio...

É verdade, ontem lá regressei ao ginásio... Não sem antes, ou melhor, no dia anterior - domingo portanto - ter ido dar uma volta de bicicleta logo de manhã. Não foi uma volta tão grande como gostaria mas já saí algo tarde de casa e por isso não me alonguei. Ainda assim foram cerca de 47 kms, mais 31 kms no sábado e 20 na sexta-feira à tarde. Enfim, foi bom, e soube-me pela vida, ainda que no domingo me sentisse um pouco cansada e não tão rápida a pedalar...
E ontem, estava de chuva, e vai daí que fui ao ginásio, depois de uma semana de tal de ausência...
Comecei pelos exercícios com o próprio peso do corpo e depois segui para o Cycling que já é tipo siga para bingo. Sentei-me numa bicicleta que ficava quase num canto e atrás de tudo e todos. Continuo a fazer isto e nem sei porquê já que as minhas pernas aceleram como se não houvesse amanhã e sorrio quando quase todos têm certamente vontade de chorar ou de parar...
Pelo meio trocam-se ideias de quem pedalou o quê durante o fim-de-semana e quantos quilómetros e tal. E eu nada. A conversa nem é comigo. E poderia ser? Talvez, se eu não estivesse tão escondida... De repente uma ou duas pessoas deram uma volta para aí de 70 kms e eu interiorizo, que a mim ninguém disse ou perguntou nada, mas que entre sexta, sábado e domingo, pedalei uns jeitosos 98 kms mas... 'who cares'... o que é que isso interessa para os demais presentes que pedalam bués...? 
A única evidência do meu pedalanço silencioso é o meu não cansaço durante aquela pedalada estática, intensa, em pé, sentada, com carga, sem carga... Vou até ao fim, vou até quase aos meus limites, pedalo ao ritmo da música, gosto, preciso, e quase no fim da aula continuo a sorrir e por mim continuava...

Sem comentários: