quinta-feira, 11 de setembro de 2014

Pé de filhote cresceu...

Pois é, o último treino do filhote tinha sido em junho e na altura eu achei que as chuteiras estavam a começar a fugir.
De cada vez que andávamos nas nossas compras desportivas, eu começava, em género de alarme ou lembrete, a dizer que era melhor comprarmos outras chuteiras e outras sapatilhas para o futebol em salão.
Contudo, o pai que é o entendido em futebol, dizia que não, ah e tal, que as chuteiras eram grandes e estavam muito bem...
Pois, pois... Eis que chegou o dia do primeiro treino da época e começo a ver o filhote com ar de quem tinha qualquer coisa. Por fim, sentou-se na relva e descalçou-se. Não aguentou mais as chuteiras Adidas n.º 33...
E aí a eu-mãe que não percebe nada de futebol mas que percebe bués da fisionomia e do tamanho dos pés do filho, entrou novamente em género "eu avisei..." (touché!!!).
E vai daí que pumbas, toca de ir a correr em busca do calçado para os pés de príncipe do filhote e eis que está tudo praticamente esgotado. Mandámos vir o 35 porque com as meias grossas aquilo tem tendência a não ficar muito grande e hoje estou esperando que me avisem se já chegaram para eu ir a correr à loja buscá-las (as chuteiras e as sapatilhas)...
Isto de ser mãe de um menino tem muito que se lhe diga. E de um menino que gosta de futebol ainda mais porque a mãe não gosta mesmo nada de... futebol... Mas como o que importa é que filhote esteja feliz, siga para bingo!!!

Eis as chuteiras para o relvado, Adidas, claro. Parece que é a melhor
marca no mundo das chuteiras futebolísticas, isto dentro dos preços plausíveis, claro está...
O que uma pessoa aprende. Eu só percebo de roupas fitness, ténis e um pouquinho de bicicletas...
Esta coisa de chuteiras para relvados e outro calçado para interiores futebolísticos pouco ou nada
me dizia até o meu querido filho ingressar no mundo futebolístico há três anos atrás... Sim, ele anda nisto desde os 4 anos, a fazer 5 dois meses depois... 

Eis as chuteiras para jogar em pavilhões... Adidas também, what else...

E agora um facto a título de curiosidade para pessoas que não percebem nada dos meandros do futebol, como eu... O senhor da loja começou a queixar-se que as chuteiras do Messi não se vendiam, que estavam para ali cheias de descontos e ninguém lhes pegava... Esta conversa para o meu esposo e para o meu filho fazia todo o sentido mas para mim era como ser um burro a olhar para um palácio...
Não sei se fiz de cara de parva, limitei-me a ouvir e a acenar com a cabeça enquanto aquela problemática das potentes chuteiras do Messi era discutida...
Quando finalmente saímos da loja, perguntei, como se fosse muito burra, o que se passava com o tal jogador Messi, o que teria ele feito para ninguém comprar o seu modelo de chuteiras. Teria agredido alguém com aquelas chuteiras em campo, teria-se suicidado espetando os pitons das chuteiras nos seus olhos, pior ainda - teria atirado com as chuteiras à cabeça de alguém - quiçá uma criança mas... náááááá... Nada disso! O motivo é tão somente este, dito pelos homens lá de casa: o Messi é uma espécie de 'arqui-inimigo' do Cristiano Ronaldo...
Ah!!! Ok!!! Naquele momento senti-me a pessoa mais inculta do mundo, completamente parva por não saber estas coisas!!!
Sempre a aprender, hein!!!

3 comentários:

A Loira disse...

Ahahahah... dizias: "Desculpe, mas só percebo de pedais de encaixe"

Algures no Oeste disse...

LOIRA: Muito bom, não me lembrei de dizer isso, lol! ;-)

Gaja Maria disse...

Odeio futebol!! sou mãe de dois que jogam e esposa de um treinador... Odeio e não percebo patavina de futebol!!