quinta-feira, 2 de outubro de 2014

Muito exercício, pouco entusiasmo...

Ontem lá fui ao ginásio... A minha vida atribulada de compromissos maternais não me tem permitido ser tão assídua e 'certinha' como tem acontecido até aqui...
À hora de almoço caminhei dois quilómetros, tenho feito isso nas últimas semanas. Almoço e depois vou tomar café por forma a ter que andar um bocadinho, em modo rápido...
Mas como estava a dizer, lá fui ao ginásio que estava um bocadinho para o cheio...
Fiz uma aula de Step e dei por mim descoordenada e a pensar que não era nada assim quando tinha 20 anos e fazia... Step... Ontem também estava cansada e ainda constipada e com o nariz entupido e, para além disso, aos 20 anos só estudava na Faculdade. O resto da vida aparecia-me feita à frente. Não tinha que pensar em mais nada a não ser estudar. Agora, 20 anos depois, sou mãe, mulher, pseudo dona de casa, tenho um trabalho, uma casa e uma família para gerir e pensar, e tratar. Deve ser normal que me sinta cansada...
Bem, transpirei que nem uma doida no STEP.
Entretanto fui um pouco para a passadeira, tipo para passar o tempo que eu realmente não gosto de estar na passadeira. Corri um bocadinho mas... estava cansada... e já tinha estado quarenta minutos numa aula de Step... Desatei a caminhar mas depressa me enfadei da passadeira pelo que só lá estive uns míseros dez minutos...
Segui para a aula de Cycling e apesar de ter feito tudo também não estava propriamente nos píncaros da energia e, estranhamente, estava deserta que a aula acabasse...
O suor chovia, escorria e proliferava pelo meu corpo todo. Olhei-o, de quando em vez, a descer pela cicatriz abaixo.
Suor, muito...
A cicatriz, para sempre ali...
Finalmente a aula acabou e tomei um duche retemperador...
Estava tão exausta que cheguei a casa e mal abri a boca... Filhote estava despachado dos trabalhos de casa, pai e filho jantados e 'arrumados' e eu comi tão somente um pequeno pão com queijo e bebi um iogurte magro...
Preparei lanches para o dia seguinte.
Não resisti em ir ver os cadernos do filhote mesmo sabendo que o pai já tinha tratado de tudo. Pronto, é o meu lado mãe-pseudo-controladora a falar que é mais forte do que eu...
Usei o pulsómetro mas nem reparei quantas calorias gastei. Apenas olhava para o relógio para ver onde iam as minhas pulsações...
Caramba... Há muito tempo que não me sentia assim... Prestes a tombar, e não é da bicicleta...
Se calhar devia mudar de treinos e aulas... Tipo a meio da semana fazer apenas uma aula mais virada para os alongamentos, Pilates ou Body Balance...
Tenho que ver isto tudo melhor...

Sem comentários: