quinta-feira, 20 de novembro de 2014

Fui ao LIDL à hora de almoço

Ah sim? E então...?
Pois, é que quando morava perto de Lisboa ia muitas vezes ao LIDL porque tinha um mesmo perto de casa e aqui no Oeste deixei de ir tanto por não ficar muito 'a jeito'... Desatei a ir ao Pingo Doce e ao Intermarché e pronto...!
Bom, mas por vezes, à hora de almoço, vou ao LIDL comprar meia dúzia de coisas. Redescobri o LIDL na parte do pão. Fazem pão frequentemente e é o cliente que retira o pão que quiser para os sacos de papel e plástico, munido de uma luva de plástico fino disponibilizada pelo LIDL.
Isto pode ser agradável e pode não ser... Sei lá se alguém deixou cair pão e voltou a metê-lo lá... E para pessoas como eu, completamente destrambelhadas, por vezes o pão escorrega, e mesmo sem cair ao chão, sinto-me para ali agachada, feita parva, a tentar agarrar o pão... E depois ainda não percebi se podemos misturar os vários tipos de pão num só saco ou se temos que distribuir por sacos os géneros de pão que comprarmos. É que eu sou mocinha, ou mulherzinha, para trazer vários tipos de pão, a saber: baguetes integrais, pão de mistura, quiçá uma baguete ou um pão (maravilhoso) da avó, e ainda uns folhados mistos para a malta lá de casa que são trinca espinhas e que podem comer um boi que não engordam, muito menos nas coxas, como aqui a "je".
Isto tudo para dizer que já não é a primeira, nem a segunda vez, que me deparo com uma realidade que é a de andarem imensos casais reformados às compras e, consequentemente, criam filas nas caixas para pagar. Não tenho nada contra pessoas reformadas, a minha mãe também o é, mas... não consigo compreender a necessidade de irem às compras à hora de almoço que, em princípio, é quando as pessoas que trabalham, e que andam sempre a correr dum lado para o outro, podem fazer algumas compras...
As pessoas reformadas têm uma disponibilidade de tempo e de horários bem maior e mais flexível do que quem trabalha e por isso tenho reparado nisto... Enfim, bem sei que cada um faz do tempo o que quiser e que as pessoas são livres de andarem por onde quiserem, às horas que bem entenderem mas... pronto, era só uma espécie de... 'desabafo'...
Em suma, estou sentada a trabalhar e o pão do LIDL que ficou no carro não me sai da cabeça...
:S

Sem comentários: