domingo, 16 de novembro de 2014

Ter fé

Ter fé. Algo muito pessoal e de cada um. De certa forma sempre tive fé e esperança de que um dia pedalaria mais quilómetros do que os habituais 35/40/45 kms... Hoje em dia vou nos 60/70 kms, sempre BTT, e refiro-me a voltas rotineiras, tipo aos fins de semana, porque noutros passeios, fui até aos 85/90 kms.
Bom, mas isto tudo para dizer que a voltita de hoje foi de cerca de 61 kms, com muita lama mas com um tempo ótimo para pedalar...
Pude ir eu e marido porque a minha mãe está por cá e ficou com o filhote e por isso a volta foi mais técnica.
A meio da volta fiz, fizemos, uma pequena pausa. Desmontei da bicicleta e entrei na Igreja de capacete na mão, cheia de lama e de fé, a minha fé...
Sentei-me, refleti, inspirei que isto há coisas que nos acontecem que até parecem mentira, levantei-me, acendi uma vela e rezei pelo meu pai, pela mãe e pela avó do maridão...
Vim embora, peguei na bicicleta, olhei o mar agitado, sorri, inspirei e pensei que ir ali a pedalar e a ver o mar me faz feliz...

1 comentário:

Carla Isabel disse...

Um beijinho e um abraço apertadinho.