quarta-feira, 15 de abril de 2015

Tropelias do dia de hoje...

Bom, hoje o dia está a ser para lá de espetacular.
Comecemos pela manhã em que saímos de casa e eu me esqueci em casa, não de um, mas de dois pares de chaves... dentro de casa...
Fiquei logo cheia de calores e num dia em que marido chegará mais tarde do que é habitual, por motivos profissionais, sinceramente, não faço ideia de como irei logo, ao fim do dia, abrir a porta com o filhote... Não sei se colocando a cadela pela chaminé abaixo, através do sótão, se conseguirá depois abrir-nos a porta do lado de dentro...
A minha mãe foi-se embora, rumo a Lisboa. Deixei-a no autocarro e os nervos eram tantos que já mal dissemos adeuzinho uma à outra...
À hora de almoço fui ao ginásio. É um dia da semana em que não costumo ir e fui para fazer uma avaliação da minha pessoa, algo que não acontecia quase há dois anos (!!!) e, porque não, experimentar uma aula que nunca tinha feito, precisamente, nesta hora de almoço...
Bom, fui medida e pesada e a conclusão é que o meu Índice de Massa Corporal está nos 25.5 ou seja, tenho um bocadinho de peso a mais, que a ver pelos centímetros das medidas, está no sítio onde eu sempre digo que está: nas coxas e no rabo!
Dei por mim a pensar que faço tanto exercício, pedalo tanto, agora até corro de vez em quando, mas que esta boquinha - não tão linda assim - não se comporta em proporção, e a caminho dos 41 anos está-se mesmo a ver que tudo pesa! Adoro comer mas não posso comer tanto porque também não preciso, é pura gulodice! No ginásio até disse que foi mais fácil perder quase 30 quilos do que agora estes 6/8 quilos...
Bom, conclusão: não preciso assim tanto do Cycling porque pedalo e corro na rua pelo que se quero perder peso, volume, tonificar e, principalmente, ganhar força, o melhor que tenho a fazer é aulas mais localizadas, e ter um plano para a parte das máquinas, algo de que tenho fugido a sete pés porque não gosto daquela coisa de andar para ali no meio da sala e das máquinas e de algumas pessoas... parvas...
Portanto, comecei hoje mesmo ao fazer a tal aula da hora de almoço que era, precisamente, para trabalhar mais com o peso do corpo e/ou com a ajuda de pesos e outros elementos que me fizeram transpirar como há muito não acontecia, o que só 'prova' que não estou habituada àquele tipo de esforço e, lá está, o que tinha uma parte mais Cardio eu fazia "na boa", o que tinha força, ui, custava-me mesmo um bocadinho... ou um bocadão...
Enfim... tenho que alterar os meus hábitos, alimentares e na rotinas do exercício...


Sem comentários: