terça-feira, 12 de maio de 2015

O sorriso do meu filho

É do que me lembro sempre quando penso nas imensas coisas que não têm corrido bem...
Agarro-me ao seu sorriso e penso e lembro-me que tem um sorriso permanente e contagiante...
O tempo passa tão depressa que quase nem dei conta que está a caminho do 4.º Ano.
Os olhos pesam. Tenho olheiras. Dói-me o corpo e tenho arranhões e inúmeras nódoas negras pelas pernas por causa do trambolhão que dei na prova a que fui no fim de semana... Mais parece que levo porrada do marido e os arranhões no braço levam a expressões faciais que devem ser um misto de "ui, que horror" e de "esta gaja deve ser mas é doida...".
Seja como for, recorro sempre ao sorriso do meu filho.
São 11 e pouco e ainda não sei se vou ao ginásio à hora de almoço. Não vou ao ginásio há quase três semanas...
Ainda assim, ontem ainda me ri com uma mensagem de apoio que recebi por causa da minha queda na prova. Isto é um meio pequeno e toda a gente se conhece. E vai daí que, entre inúmeros comentários e mensagens de apoio, recebi uma mensagem privada pelo Facebook que me fez rir. Essa pessoa estava a apoiar-me e às tantas refere que tinha visto pelo meu post, no Facebook, que eu tinha caído duma ponte abaixo. Bom, naquele momento eu desatei a rir-me de mim mesma e do impacto que deve ter causado o facto de eu ter escrito que tinha caído duma ponte.
Imaginei-me a mim e à bicicleta a cair duma altura imensa, tipo da Ponte Vasco da Gama, e não coisa pouca como foi o que aconteceu, tanto que fiquei com arranhões e (muitas) nódoas negras depois de 'ambas as duas - eu e a bicicleta' termos caído num charco cheio de lama e água baforenta...
Foi de facto uma prova (muito) difícil e entretanto saíram as classificações. Ainda que tenha chegado ao fim depois de ser já uma prova com pouca gente e doutros tantos que não a completaram, Meu Deus, fui a antepenúltima pessoa a chegar à meta... Credo!!! Que desânimo...!!!
Mas voltando ao sorriso do meu filho, é mesmo o que tenho de melhor na vida... E é isso...

3 comentários:

A Loira disse...

O melhor sorriso do mundo.

Sol disse...

Os nossos filhos são sempre o melhor :)

Gaja Maria disse...

Há lá coisa melhor? :)