quarta-feira, 13 de maio de 2015

O tempo que se escapa entre os dedos, seja o que passou ou o que há-de vir...
Às vezes queria que voltasse para trás, noutros momentos queria acelerar e estar já mais à frente...

Saudades de ter saudades de 'compor' e arranjar decorações e afins...

Não sei, lembro-me de ser criança e adorar gelados de gelo.

Saudades de ter saudades de ler e de ler como lia, com tanta intensidade que me perdia no tempo...

Saudades dos Verões quentes e despreocupados, daqueles realmente quentes, com calor e música, gelados e muitos passeios e mergulhos...

1 comentário:

Gaja Maria disse...

Mãos à obra! Toca a fazer tudo isso :))