sexta-feira, 8 de maio de 2015

(Sem) Mexer

Andei de bicicleta na semana passada, fiz um volta de 45 Kms, mais ou menos...
Depois disso não me voltei a mexer. Não pedalei, não caminhei, não corri nem fui ao ginásio. Só me voltei a mexer ontem em que dei uma volta de bicicleta de cerca de 32 Kms.
Isto é incrível mas precisava de descansar e também não houve tempo ou não se proporcionou para que tal fosse possível...
Não estive muito bem por estes dias e suponho que se note essencialmente no olhar porque me perguntam se estou... bem... (?)
Vai daí que ontem aconteceu algo que não acontecia há meses, que foi pedalar com o maridão. E sendo assim, fomos por caminhos mais técnicos e por onde não passo habitualmente quando pedalo sozinha. E isto é bom porque continuo semi desajeitada nalguns 'singles' mas acabam por se fazer, o que quer dizer que é algo que requer... prática...
Pedalámos devagar, não só pela técnica necessária nalguns caminhos mas também porque marido não pedalava há meses e tinha que abrandar nalgumas partes.
E ali caí em mim. Em como sou tonta, mesmo tótó, e em como não acredito em mim quando o devia fazer. Afinal, fizemos o percurso de uma prova à qual não fui e que me arrependo de não ter ido... Fiz os 'singles', desmontei nas descidas a pique mas fui rápida a fazê-lo, fiz subidas, fiz tudo, e podia ter feito mais se tivesse ido à tal prova...
Que mania esta de ser tão insegura e de acreditar tão pouco nas minhas capacidades... À medida que envelheço pensei que isto iria passar mas, afinal, parece que não. E depois fico a remoer, angustiada e com vontade de bater em mim própria por duvidar tanto de mim mesma...
Baaahhhh!!!



3 comentários:

Sol disse...

A insegurança passa a vida a tramar-nos. Da próxima já sabes: não lhe dês ouvidos :) Bjinho

Gaja Maria disse...

Não ligues à insegurança, pensa só que és capaz e vais ver que és. Beijinho

A Loira disse...

Já seu sou o oposto, acho sempre que consigo tudo. Haverá alguém capaz de um meio termo?