terça-feira, 29 de setembro de 2015

Nossa, eu devo 'tar maluca...!

Não sei o que pensar de mim mesma...
Só me apetece é exercitar e nem sei bem porquê... Será que estou a ficar maluca, passada dos carretos e outras coisas mais para andar neste frenesim aos... 41 anos... cof, cof...
Pois se entre sexta-feira e domingo me exercitei com bastante intensidade, e se ontem ainda me doíam as pernas, precisamente, das pedaladas do fim de semana, como raios fui ainda correr, ontem, ao final do dia...?
Confesso que não estava com grande fé em mim mesma mas, de facto, o apoio, a força e a companhia da minha amiga fazem toda a diferença... Foi por ela que consegui não me ir abaixo pois no início a coisa não estava lá muito bem... Eram dores nas pernas, eram dores no peito, eram os pulmões e o coração a saltarem pela boca, enfim, uma panóplia de sensações de mau estar que, às tantas, fizeram com que me apetecesse atirar para o chão...
Contudo, lá fomos indo, e com a conversa, acho que me distraí e por isso prosseguimos...
Desta vez, quando chegámos ao ponto de retorno, onde viramos para voltar para casa, continuámos e fizemos o mesmo percurso como se fôssemos de bicicleta. Ou seja, em vez do percurso ser uma "linha reta" como tem sido, desta vez teve a linha reta e depois como demos outra volta, ficou um 'círculo' e, por causa disso, também tivemos partes mais inclinadas na nossa corrida...
Foi a segunda vez que corri 13 Km mas num percurso diferente e nem queria acreditar que tinha conseguido fazer aquele percurso como se viesse de bicicleta...
Sozinha duvido que o tivesse conseguido pois não teria incentivos, nem força, nem companhia, teria medo da escuridão que depressa se instalou ao final do dia, nem teria a distração da conversa e a "terapia" de irmos a desabafar coisas das nossas vidas...
Foi também a primeira vez que, a correr, comi uma maçã sumarenta apanhada dos pomares por onde passamos a correr... Das outras vezes não quis experimentar porque achei que ia morrer asfixiada ao dar dentadas e a ter pedaços da maçã na boca mas, desta vez, tal não aconteceu... Comi devagarinho, é certo, mas o sumo da maçã e a própria maçã parece que me renovaram as energias...
Não sei para onde vou ou onde isto me vai levar mas entretanto a minha amiga também começou a ver informações sobre... Trails...
Também não sei como vou gerir o meu tempo para treinar tudo aquilo que gostaria de poder treinar, quando passo 9 horas ou mais a trabalhar, e ainda sou mãe, mulher e tenho uma casa para... gerir...
Ouch...

Corrida 24/100 - Desafio Correr 100 Dias em 2015.

2 comentários:

Portuguesinha disse...

Verifica como andam os teus niveis de hormonos.
Parece-me que anda aí qualquer coisa que é rara de aparecer com a idade, rsss - em mulheres, pelo menos ! :D

Algures no Oeste disse...

PORTUGUESINHA: Pois, pode ser, nunca se sabe... :D Ou pelo menos, eu ainda não sei... :P