segunda-feira, 16 de novembro de 2015

Hoje estou assim...

Talvez por que tenho pensado mais no meu pai do que é costume...
Tenho-lhe sentido muito a falta...
E tenho pensado muito em todas as feridas da alma e em todos os embates que tenho levado em cima...
Sinto-me prestes a... 'desistir'...
Ou então é porque hoje o dia está melancólico...


1 comentário:

Gaja Maria disse...

Claro que nos faz falta, eu também perdi o meu há dois anos, mas a vida é para a frente. Ficam-nos as recordações e os bons momentos vividos com eles. Beijinho