quinta-feira, 18 de fevereiro de 2016

Se não me exercitasse, aonde é que o meu peso teria ido parar...

Tive avaliação física no ginásio e ainda bem...
Fazendo um breve resumo da minha história, entre dezembro de 2009 e dezembro de 2010, perdi 26 quilos com a ajuda de uma Nutricionista e com o exercício físico que, na altura, nem sequer era tão intenso como hoje em dia...
Mantive sempre o peso perdido até que em abril de 2013 tive a queda, o acidente da bicicleta, que me condicionou muito a vida durante 5 meses... Fiquei quase imobilizada nos movimentos, fui operada, a recuperação, o estar em casa de baixa, tudo isto interferiu no meu peso pelo que ganhei, nessa altura, cerca de 7/8 quilos...
Regressei à minha vida normal e o meu peso nunca mais foi o mesmo. Estes 7/8 quilos mantiveram-se colados a mim, não sei se por desleixo meu, se por comer "bem" porque faço muito exercício, se por isto ou por aquilo...
Claro que tudo o que vem se instala no rabo e nas coxas, pelo menos é o que vejo no espelho, já que barriga não tenho, nem tendência para a ter...
Como sou muito alta, o peso a mais parece que anda bem disfarçado pois toda a gente diz que estou muito bem, que estou ótima e que nem pareço ter a idade que tenho...
Contudo, nesta avaliação, fiquei quase em choque, caí na real porque o peso a mais, desta vez, é mesmo muito... Tenho mais 13 quilos do que o peso que tinha quando entrei no ginásio e em que me sentia magra...
É claro que os tenho... só me apetece vestir roupas pretas e escuras... sinto-me desconfortável com alguns 'modelos' de roupa, nem sequer me sinto... magra...
Isto valeu um Índice de Massa Corporal de 26.9, ou seja, excesso de peso...
Para além disso, sou hipertensa, tomo mediação e a tensão estava alta, 15/8...
Tenho que me mentalizar que tenho que fechar mais a boca e dizer que não a certas coisas...
Ainda assim, faço exercício e muitas vezes digo que não... Que metabolismo mais tramado... que tristeza ter que pensar na comida e nos seus efeitos em mim...
Quero muito perder estes 13 quilos e voltar a sentir-me... magra...
Estou em (quase)... choque...

3 comentários:

Gaja Maria disse...

Se não te sentes bem assim, está na hora de fazeres algo por ti. Volta á nutricionista, sempre ajuda a manter o foco. Força :)

Diana Machado disse...

Força para voltares a lutar pelo que queres, força para vires à tona de todas essas preocupações e frustrações. Espero sinceramente que venham dias mais felizes e de realização pessoal, beijinhos (volta à nutricionista, pode ser que ajude).

Algures no Oeste disse...

GAJA MARIA: Obrigada... :-) Beijinho.

DIANA: Obrigada também pelas palavras e pelo incentivo... que bem preciso...
Um beijinho :-)