quinta-feira, 22 de setembro de 2016

Fosse assim tão fácil

Apagar memórias como se apagam fotografias do computador e do Facebook.
Seria tão simples... Apenas apagar e esvaziar a reciclagem...
Devia ser possível fazer o mesmo com as memórias e o cérebro. Devíamos poder selecionar o que não interessa, apagar, e esvaziar completamente da mente, do corpo e da alma. 
Para nunca mais lembrar e fazer doer, como uma ferida que teima em não se curar e que arde.

2 comentários:

Carla Santos Alves disse...

Deixar de pensar ajuda...pensas, e pões de lado o pensamento, substituis por uma coisa boa, vais habituar-te ! ;)

beijinho doce

Algures no Oeste disse...

CARLA: Pois, tens razão...
Beijinho grande.
:-)