quarta-feira, 19 de outubro de 2016

Não sei o que se passa neste ano mas...

Neste ano, até ao dia de hoje, pedalei menos e corri (muito) menos do que no ano passado pela mesma altura...
Vejamos os quilómetros pedalados e a altimetria. Assim de repente, no ano passado por esta altura, tinha nas pernas mais 184 Km e 3800 mt de acumulado nas subidas... 
Mas a diferença maior está mesmo nas corridas. Em 2015 deu-me para correr mas como entretanto comecei a ter dores no calcanhar, confesso que neste ano não me empenhei tanto em fazê-lo... Aqui a diferença é abismal... No ano passado por esta altura, "só" tinha corrido mais 142 km e tinha nas pernas mais 1607 mt de subidas feitas a correr do que neste ano... 
Com as dores no calcanhar parece que ganhei medo em ir correr já que nos dias em que o fiz, tive que passar o serão com a perna mais elevada e... cheia de dores no pé...
Já a bicicleta... Este ano não tenho andado tanto, contam-se menos 31 pedaladas do que em 2015 e também não tenho feito distâncias tão longas e isso contribuiu para esta redução no tempo, nos quilómetros e nas subidas pedalados...
Será que consigo recuperar e ganhar quilómetros pedalados até ao final do ano... Espero bem que sim...

- Tabela referente às Pedaladas -

- Tabela referente às Corridas -

4 comentários:

Pedro disse...

Deixa lá o 'running' como se usa agora chamar à moda de ir para a rua mostrar roupinha colorida e arrastar os calcanhares - sim, porque 90% das abéculas que por aí andam, nem correr sabem - e e concentra-te na bicicleta.
Não pedalas melhor por simples comodismo e falta de vontade de suar e sair da tua zona de conforto. Já te disse: No pain, no gain.
Vê lá isso, OK? ;)
Vamos lá hoje? :)

Algures no Oeste disse...

PEDRO: Mas o running é a denominação do Strava, não minha!
:D Eu cá só falo em corridas...
E eu nem arrastar os calcanhares posso pois o meu dói mesmo muito :-(
E sim, eu quero é pedalar, não tanto correr...
Se não chover, porque não, vamos sim :-)

Gaja Maria disse...

Eu hoje voltei ao cycling no ginásio, já não dá para pedalar depois do trabalho, é logo noite e perigoso :) Entretanto volto às corridas :)

Algures no Oeste disse...

GAJA MARIA: Pois é, também tenho que regressar com mais regularidade ao ginásio. Por causa do calcanhar, não posso voltar com tanta intensidade às corrida :-(
Beijinhos.