segunda-feira, 28 de novembro de 2016

Bike Report

Não pedalava há duas semanas por causa do mau tempo que tem estado aos fins-de-semana. Com os dias curtos, e trabalhando o dia todo, só posso pedalar aos fins-de-semana e nos feriados. Pedaladas durante o dia ou depois do trabalho, é para esquecer...
Assim sendo, já que ontem até estava Sol, decidi aproveitar e "à última da hora", decidi-me a ir pois já eram quase 11 horas. Fiquei limitada no tempo pois não podia demorar muito, tendo o filhote e a minha mãe em casa à minha espera para almoçar, mas pensei que era melhor do que nada... Assim sendo, lá fui dar uma voltita cheia de saudades da bicicleta.

Esta primeira foto que aqui deixo foi tirada a meio da volta, numa tentativa de mostrar a bicicleta e as minhas "novas unhas", arranjadinhas do Sábado (informação deveras importante...), sendo que tirei as luvas de ciclismo para o efeito, e sem imaginar o que se iria passar um pouco depois...
Apenas uma breve introdução para dizer que a primeira e única vez em que tinha sido mordida por um cão, foi quando tinha 5 anos. Valeu-me o meu pai na altura que me socorreu e ajudou a não ganhar medo nem raiva aos cães... Cresci assim sempre com grande ternura por animais e pelos cães em particular...
E vai daí que durante as minhas pedaladas, já tinha sido muitas vezes acompanhada (perseguida...) por cães a correr, a ladrar e por aí fora mas... nunca se tinha passado nada... Até ao dia de ontem em que fui perseguida por uns oito cães e em que um deles me conseguiu morder, estando eu a pedalar a cerca de 20/22 Km/hora e por cima das calças de inverno de ciclismo - que acho que foi o que me valeu...
Valeu-me também o meu pai, onde quer que esteja, com os seus sábios ensinamentos: não mostres medo aos cães. Se assim não fosse, creio que tudo isto teria sido bem pior...
Fiquei com a perna ferida da dentada que tenho estado a desinfectar... Até ver, não noto nenhuma alteração estranha, na ferida ou em mim. Por enquanto, não me transformei em Lobisomem :P
Nos entretantos, a minha cadela andava só atrás de mim mas já lhe disse que estava muito aborrecida com os seus amigos canídeos, pelo que não havia grandes conversas... Onde já se viu uma humana que cheira a cão, gato e periquito, ser mordida por um canino em fúria... 




2 comentários:

Pedro disse...

Tadinha da minha Princesa :(
Deixei-te sozinha, pronto, dá logo nisto.
No entanto, o cão também me preocupa um bocado.
Se o bicho não tem vacinas, não sei, não :p
<3

Algures no Oeste disse...

PEDRO: Pois foi, logo quando vou sozinha, acontecem estas coisas...
:-(
Também estou preocupada com isso, e muito... Sei lá se o cão era saudável ou não...
:-(