sexta-feira, 16 de dezembro de 2016

Não se vê, não se ouve nem se sente...

"Entretanto inicie desde logo as medidas não farmacológicas para tratar ou prevenir a hipertensão: pare de fumar, reduza o sal e o álcool, não abuse do trabalho, aprenda a relaxar-se, e comece a controlar o peso e a fazer exercício todos os dias (pelo menos 30 min. de marcha a pé)."

Ora bem, e não é que eu acho que faço isto tudo...? 
A única diferença é que a Hipertensão me foi detectada há coisa de dois anos, e passei a tomar medicação para o efeito.
A outra diferença é que, nem sei porquê, há coisa de um mês que não tomo a medicação.
E depois vai-se a ver e tenho a tensão a 17/12, que é quase uma crise de Hipertensão porque o valor mínimo da tensão arterial mais baixa é... 10...
Também aumentei de peso, o que não é normal, porque não ando para aí a comer bois inteiros e 'farto-me' de fazer exercício e de pedalar...
Bom, talvez haja uma coisa que eu não faça com regularidade: " aprenda a relaxar-se". Na verdade, aí está algo que é difícil para mim... Tenho uma vida muito ocupada e preenchida e sinto sempre que não tenho tempo no tempo para tudo, entre o trabalho, a casa, o ser mãe e por aí fora...
Faço muito exercício mas... se calhar não relaxo nada e isso está agora a interferir ainda mais na tensão e no peso que não estou a conseguir perder...
Tudo isto porque, por estes dias, tive uma consulta de rotina no meu trabalho e, claramente, o médico "mandou-me" voltar a tomar a medicação para a hipertensão antes que me "desse alguma coisinha má" e fazer análises, muitas análises...
Ai a PDI...
:-(



3 comentários:

Pedro disse...

O teu problema não é o PDI mas mais tarde ou mais cedo ao resto se juntará.

Gaja Maria disse...

Cuida-te que só temos uma vida. Beijinhos

Algures no Oeste disse...

PEDRO: Pois... também... enfim...
:/

GAJA MARIA: É mesmo isso... Beijinhos :-)