quarta-feira, 15 de setembro de 2010

Lembram-se de o meu cão correr à minha frente ou pensava que depois de Domingo me ia reformar...

Pois é, eu achava que depois deste Domingo me ia "reformar" no sentido de abrandar o ritmo, tipo cheguei ao meu objectivo, já tenho uma estória para contar, superei-me a mim mesma, agora vou meter a bicicleta e as correrias no saco e 'apenas' vou calma e tranquilamente ao ginásio à hora de almoço...
Pois é, enganei-me redondamente...
Na segunda-feira apesar de não ter dores no corpo (!) não fiz qualquer exercicío para dar uma pausa ao meu corpo...
Ontem... Ontem fui ao ginásio à hora de almoço e chegada a casa, ao fim do dia, o meu corpo pedia mais e gritava cá dentro para eu ir caminhar depressa e correr no parque... E assim foi. Equipei-me, peguei na minha garrafa desportiva cheia de água, pequei na cadela e aí fomos nós... E o mais curioso estava para acontecer pois se até aqui era ela que corria à minha frente, eu ontem parecia "possuída" e corri muito mais tempo do que andei e sempre à frente da minha cadela.... Estava cheia de energia e com vontade de correr e isto durou quase 40 minutos...
Parece que não há volta a dar. Por muito que eu me queira "reformar", acho que só o mau tempo e os dias curtos vão fazer com que abrande o ritmo porque, até ver, e duma forma inexplicável, sinto algo cá dentro que me puxa e dá vontade de exercitar, como se fosse um vício... E assim "com'ássim", antes viciada em Desporto do que em comida como era 'antigamente'... Nesses tempos de gula, a minha satisfação era pensar que ia comer um 'croissant', um gelado, pão à fartazana, ou um salgado... Agora é pensar que vou correr, que vou andar, que vou pedalar e por aí adiante o que é bem mais saudável e benéfico...

(e não é que ontem estava vestida exactamente assim e com estas mesmas cores?!)

3 comentários:

SC disse...

É isso ai...
Ontem não fui caminhar.... e senti a falta, e só (re)comecei à séria há 1 semana a trás.

Força nessas pernas.

Jokas

Cris disse...

Não acho nada que te devas "reformar".

Podes abrandar, até porque relatas que sentes por vezes que não tens tempo para outras coisas, mas acho que deves continuar, sim.

Quem me dera ter tempo para fazer o mesmo - acho que deve fazer um bem enorme a nível psicológico, além do físico, claro :-)

Beijinhos.

Susana Garcia disse...

é verdade as pessoas quando começam a fazer exercicio e se gostam muito,quando param o corpo depois começa a pedir para continuarem a fazer e ás vezes as pessoas até não se sentem muito bem se ficarem paradas por exemplo como acontece nas férias,é porque as pessoas viciam-se na ginástica e habituam mais o corpo e acontece o que te aconteceu,o corpo começa a pedir e tu que tens a natureza ai mais perto ainda apetece mais.
bjs e continua amiga