quarta-feira, 8 de setembro de 2010

Ouch...

Bem, eu hoje estou toda partida... Há muito tempo que isto não me acontecia mas tenho o corpo dorido e já ontem ao serão estava meio "abananada" tal foi o ritmo frenético com que andei cerca de quarenta minutos  de bicicleta...
A juntar à 'agressividade' das pedaladas tive as várias subidas que treinei e que arrisquei a fazer, indo no fim do percurso para estradas de terra e subidas tão inclinadas que a própria bicicleta se "levantou" e saíu do chão e eu comecei a rir apesar de quase me 'estatelar' no chão... Deve ser uma espécie de bebedeira desportiva, não sei... :D
Faço isto sozinha porque não tenho companhia e porque eu e o maridão não o podemos fazer em conjunto já que alguém tem que ficar a tomar conta do filhote... Na verdade sinto-me livre por o fazer sozinha e nem me importo muito, a única diferença é que não ando por caminhos mais solitários... Mas por vezes sinto-me completamente maluca por andar a pedalar num frenesim imenso e sendo a única pessoa (mulher) a fazê-lo no sítio onde moramos... O que pensarão as pessoas quando me veêm passar...
Isto entranha-se e vicia, creio que deve ser da adrenalina e de tudo o que é libertado do corpo e da alma, e apesar do corpo dorido, a recompensa é olhar-me ao espelho e achar-me magra, principalmente em dias como o de hoje em que visto roupas quase justas ao corpo e constato que não tenho barriga e que as formas estão nos glúteos...
Nem quero pensar quando chegarem os dias curtos e o Inverno porque não vou poder andar de bicicleta nem correr ao fim do dia como agora...

1 comentário:

SC disse...

lol...
Tens que arranjar um desporto alternativo.... ou uma bicicleta para casa, que tal?!

Jokas