segunda-feira, 20 de setembro de 2010

Porque é que as pessoas magras não são gordas?

Não sei se alguém viu no Sábado ao serão, na RTP2, um documentário cujo título é precisamente o que está neste post?...
Fiquei deveras impressionada com o estudo apresentado e com os diversos depoimentos de investigadores e geneticistas sobre as questões do peso.
O que me ficou a "martelar" e impressionou foi o facto de referirem que o nosso corpo acha que tem um peso ideal (seja ele magro ou gordo) e vai sempre lutar para ter esse peso ainda que se lute contra ele... Claro que se falou nas questões genéticas e nas crianças com excesso de peso que terão sempre uma maior tendência para engordar e eu fiquei cheia de 'medo' que o meu corpo queira voltar ao peso que teve durante dez/onze anos.
O que me alivia no meio disto tudo é que nasci e fui uma criança e jovem adulta magra e escanzelada que só engordou porque deixou de fazer exercicío físico e passou a estar sentada quase o dia todo... Basta ver que o meu filho também é (e sempre foi) muito magro, genes herdados de mim e principalmente do pai.
Quanto aos antecedentes, os meus pais sempre foram magros até aos 40 e tal anos em que começaram a engordar e em que apareceu a Diabetes e é dela que tenho medo. Da Diabetes e de o meu corpo achar que o seu peso certo é o tal que eu tinha, os tais mais 18 quilos que entretanto perdi...
E por isso está mesmo visto que não posso parar nunca com o exercicío e que eu pertenço ao grupo que tem que se controlar e esforçar para não comer determinados alimentos ainda que já não tenha fome, enquanto que há um grupo de pessoas, os magros naturalmente, que ainda por cima não têm vontade de comer o que não se deve e/ou podem comer de tudo que não engordam nunca (o meu marido, por exemplo...).

2 comentários:

Maria disse...

Por acaso vi o documentário! Incrivel aquela imagem em que estão dois homens deitados lado a lado que após terem ingerido as mesmas calorias, um estava balofinho e o outro normal!!!!

Digamos que eu sou do tipo balofinho mas sempre fui assim... mais para o cheiinho!

Tenho de me conformar sem nunca de deixar de controlar a boca!

Beijoquinhas

Sandra e Dinis disse...

Por acaso nao vi, mas gostava de ter visto!

E eu pertenço ao mm grupo do teu marido e acredita que eu ate como bem. Sentia-me melhor se tivesse mais 5 kg.

Adorei estar gravida foi a unica altura que passei a barra dos 50 e muitos kg. E recuperei o meu peso antigo num instante.

está nos genes, mas os meus pais ate sao fortes, sei lá já nem sei.

Bjs