sexta-feira, 15 de outubro de 2010

Parte do serão foi passada a ouvir um coração

E não foi um coração qualquer, foi o coração da nossa amiga canina... É frequente partilharmos brincadeiras e a nossa amiga canina deita-se de forma a que nós "podemos" fazer dela o que quisermos e assim sendo, eu e o filhote passámos parte do serão a deitar a cabeça sobre o seu peito/barriga e a ouvir o seu coração. Ouvia-se tão bem que o filhote já não queria outra coisa senão ouvir o coração da cadela, o meu e depois eu a ouvir o dele...
Claro está que para nós podermos e conseguirmos ouvir o coração da nossa amiga canina, escusado será dizer que ela estava completamente descontraída, deitada no chão com as patas e o peito para cima... Nem se mexia quando deitávamos o nosso ouvido sobre o seu peito...