quinta-feira, 11 de novembro de 2010

Pressão para a perfeição

De tempos a tempos vem esta sensação, a sensação de que há uma pressão qualquer para se ser perfeita.
A mãe perfeita.
A mulher perfeita.
A esposa perfeita.
A dona de casa perfeita.
A cozinheira perfeita.
A trabalhadora perfeita.
As roupas perfeitas.
Fazer tudo ao mesmo tempo. Fazer muitas coisas, tratar de muitos assuntos ao mesmo tempo. Pensar no trabalho e na vida doméstica em casa.
E há dias em que pura e simplesmente não apetecia ter que pensar nem fazer nada e muito menos pensar em atingir a perfeição. É como se duas paredes fossem fechando e fazendo pressão para quem está no meio.
E o tempo voa e quando damos por isso não se fez nada de jeito...

1 comentário:

Luísa disse...

Como eu te compreendo... A pressão é grande e o tempo é curto...