domingo, 2 de janeiro de 2011

E ao segundo dia do ano, o pai faz anos...

E por isso eu costumo dizer que desde o Natal até ao dia 2 de Janeiro temos festas e comida à fartazana o dia inteiro (é um lindo verso, não é...?).
Mas a verdade é que hoje o pai completa mais um aniversário e por isso passámos um dia muito feliz, em família.
O pai cá de casa tem uma paciência infinita e jeito para coisas para as quais eu confesso que não tenho como, por exemplo, fazer pinturas, moldes e afins com o filhote. Esta foto é exemplificativa disso. Trata-se de um mealheiro, prenda da bisavó, que veio "em bruto" e com as tintas para ser pintado como se quiser. O pai ensinou, orientou e deu uma mãozinha nos mealheiros dos filhotes (o mano também recebeu um) com as pinturas e está a ficar muito giro.
Para além da paciência com certas coisas, tem também uma paciência imensurável para mim que, pode não parecer pelo que escrevo aqui, mas há alturas em que tenho muito "mau feitio", tenho imensas neuras e "pseudo crises existenciais" em que fico impossível de aturar e o pai cá de casa está cá sempre para mim...
Parabéns meu amor, que venham muitos mais aniversários desta nossa vida e amor em conjunto.

1 comentário:

Isabel disse...

Parabéns ao pai aí de casa!
Um grande beijinho para todos!
E um Excelente 2011 para vocês!
Um enorme beijinho, com saudade!