quinta-feira, 24 de fevereiro de 2011

Saí pela tua boca, mãe...?

Contexto: eu e o filhote no meio duma qualquer conversa e eis que ele fala no casamento da mãe e do pai e lembrou-se da estória que lhe conto quando digo que ele (filhote) assistiu a tudo porque estava dentro da barriga da mãe.
Pois, diz ele. E depois saí pela tua boca, não foi?!!!
E aqui esbocei um sorriso amarelo e fiquei uns segundos calada que me pareceram uma eternidade a pensar se deveria dizer a verdade, algo do qual sempre fui apologista, ou se deveria dar uma resposta mais fictícia do género das que me davam a mim em pequena como, por exemplo, que os bebés vinham numa cegonha de Paris.
Em segundos articulei na minha mente todas as tretas que me disseram na infância sobre os bebés, as omissões, o silêncio sobre a sexualidade humana e concluí que não iria fazer o mesmo ao meu filho, ainda que tenha apenas 4 anos. E assim, à pergunta de se tinha saído da minha barriga pela minha boca respondi-lhe, a sorrir (um sorriso semi nervoso), que não, que tinha saído e é isso mesmo que estão a pensar, disse literalmente ainda que com um nome infantil e 'simpático' por onde tinha saído, um nome que começa por p e acaba em i e que tem quatro letras...
Em segundos também pensei se não estaria a ser demasiado realista ao dar estas informações a uma criança de 4 anos e fiquei em dúvida sobre isto mas paciência, já estava a informação dada.
O meu filho esboçou um sorriso e baixou a cabeça e ambos sorrimos e eu pensei se esta teria sido a melhor forma de lhe dizer por onde tinha saído mas de facto quero sempre dizer-lhe a verdade...
Por dentro também disse um "ufa" de alívio e pensei se não seria muito cedo para estar com estas perguntas...

6 comentários:

Isabel disse...

:-) Ri-me com o teu post porque teria feito exactamente a mesma coisa que tu...

Já lá vai o tempo em que diziam aos miúdos que as crianças vinham de Paris e que era uma cegonha que as trazia, não é?

Beijocas!

Cris disse...

Acho que fizeste bem, eu tenciono fazer o mesmo. A minha filha ainda não perguntou lol Mas quando o fizer, explicar-lhe-ei assim também de uma forma simples e espero que não faça perguntas "demais" lol

Beijocas.

SC disse...

Não acho que não foi cedo de mais.
Aliás há muito tempo que a minha Princesa sabe que foi a doctora que a tirou da barriguinha da mãe pelo dito p...i. E teve exactamente a mesma reacção do teu... sorriso amarelo.
Acho que fizeste muito bem!

Jokas

Carla Isabel disse...

É isso mesmo.

Lá em casa o nascimento da Margarida facilitou porque eu dizia que a mana nascia pelo pipi e eles diziam que também tinham nascido...so que depois a Magui nasceu de cesariana....LOL

Bjs

Luísa disse...

Este teu post fez-me sorrir :-D
Ainda bem que dizeste a verdade :-D
À L. quando a pergunta surgiu, contei-lhe a verdade e o mesmo farei ao A.
Se quiseres tenho um livro e uma boneca de pano que nos ajuda a explicar melhor :-)
beijinhos

mamã da princesa disse...

Por cá as coisas foram facilitadas!!!!
Ela sabe que saiu pela minha barriga com um corte que a doutora fez!
Mas ainda não lhe disse que nem todos saem da mesma maneira... ela não perguntou mais...

Mas tencionao contar sempre a verdade... também me achei uma tolinha quando me diziam que os bébes vinham nas cegonhas e depois descobri que não era nada assim... porquê omitir estes factos da natureza ás crianças... eles percebem que as nuvens se formam pela acumulação de gotas de água tb entendem que crescem na barriga da mãe, pela junção de "bocadinhos" do pai e da mãe e têm que sair por algum lado...

Quando a M fizer mais perguntas lá terei que explicar melhor...

Beijinhos grandes e bom fim de semana