quarta-feira, 7 de dezembro de 2011

A Psicóloga disse tudo no artigo sobre "Força de Vontade"...

Quando hoje comecei a ler o blog da Psicóloga Cláudia Morais sobre a Força de Vontade identifiquei-me bastante com o que tinha escrito.
Isto a propósito, entre muitos outros posts, do que escrevi ontem sobre atingir e (querer) ultrapassar os limites, no caso em relação ao exercicío físico mas poder-se-ia aplicar a outras situações na vida.
E é mesmo assim, quanto mais evoluímos numa certa área, mais queremos e sentimos vontade de atingir os nossos objetivos, por isso quando o texto diz, entre outras coisas, que:
não podia concordar mais...
Voltei ao exercicío físico porque: 90% queria muito perder peso | 10% porque tinha saudades de praticar exercicío e de me mexer como fazia antes de ter engordado.
Atingi o peso saudável que queria.
Hoje em dia o que pretendo do exercicío já não é emagrecer. É manter o peso estável, é ganhar força, é tonificar, é ganhar flexibilidade, é sentir-me bem comigo mesma, é gostar da sensação relaxante pós exercicío, é ter imenso prazer na prática de exercicío, é sentir-me forte e é querer sempre superar-me e tentar atingir mais e melhor...
Hoje em dia não concebo a minha vida sem exercicío e tento sempre aperfeiçoar-me e sei que sou concentrada e obstinada no que à prática de desporto diz respeito...

3 comentários:

Isabel disse...

:-) Estou-me a rir porque este teu post é quase que a antítese do meu... não a parte da força de vontade, porque isso concordo inteiramente.

Agora a parte do ginásio é que a mim não me cativa como a ti e neste momento acho que é tempo que estou a gastar e que não me está a dar a paz, a energia, e o gozo que eu preciso. Ao contrário, pelo facto de ir ao ginásio e ficar sem tempo para estar com os miúdos, fico chateada, ansiosa e irritada e como tal prefiro parar agora por uns tempos.

Beijocas grandes!

Cláudia Morais disse...

;) Tu és um EXEMPLO! Beijinhos.

Rachel disse...

Pois é, eu que o diga. Já perdi 2 kg e visto umas calças q não vestia à 6 anos. Estou mesmo entusiasmada.