quarta-feira, 25 de abril de 2012

E para algo diferente e que não fazia há muitos anos...

Ontem voltei a entrar numa piscina...
Confesso que a água é o meu "elemento" e sempre adorei ir à piscina, nadar e até fiz hidroginástica mas a última vez que tinha pisado uma piscina foi para aí há uns três anos, na última aula de natação para bebés que tive com o filhote, a quatro meses dele completar os 3 anos...
E é por isso que foi muito bom ter ido com uma amiga para experimentar uma aula de Hidroginástica.
Voltei a vestir o fato de banho e a touca como se isto fizesse parte das minhas rotinas habituais e foi sem dificuldades que entrei na piscina e 'aderi' à aula e fiz tudo e não parei de rir e de sorrir o tempo todo.
É que me senti mesmo bem, foi muito relaxante e como estou em forma não me custou a fazer os exercicíos nem a acompanhar tudo o que era para fazer. Lá está, foi como se estas aulas fizessem parte do meu dia à dia... Curiosamente aqui não bloqueei a fazer movimentos iguais (ou parecidos), dentro de água, com alguns que se fazem no Body Combat...
Estava mesmo no meu elemento mas a vontade maior era saltar para a piscina grande, mergulhar e nadar frenéticamente como fazia 'antigamente'...
Foi mesmo muito bom mas foi só para experimentar porque não tenho tempo para mais exercicíos....
Contudo, fiquei também a conhecer a piscina que não conhecia e agora acho que irei voltar mas em horário livre, quando puder e me apetecer, para dar umas braçadas...
Fiquei também feliz por me terem convidado a ir e por eu não ter dito que não. Cada vez sinto mais que devemos aproveitar a vida com os momentos, as coisas e as pessoas de que gostamos porque nunca se sabe como será o amanhã.
Cada vez sinto mais que tenho que fazer o que me dá prazer e experimentar coisas novas e não me fechar no meu mundinho...
Se há lição que tirei desta mudança para o Oeste, para além de todas as desilusões e patadas que tenho levado, é que também existem surpresas de onde e de quem menos se espera, e que devemos aproveitar ao máximo o que a vida nos proporciona...
Quero envelhecer de forma saudável e não me fechar ao mundo. Conto ser uma daquelas 'velhotas' de sessenta e tal anos que são ativas, fazem desporto e têm sempre coisas para fazer...
(imagem da net)

Sem comentários: