domingo, 16 de setembro de 2012

Quanto mais se pedala, mais se quer pedalar...

É o que sinto neste momento pois nunca pedalei tanto como nos últimos tempos...
Antes das férias sentia-me cansada e em algumas pedaladas cheguei a ficar com a respiração muito ofegante e atribuí isso ao cansaço físico e psicológico dum ano 'letivo' de trabalho e de exercicío intenso.
Confesso que nalguns momentos cheguei a ficar preocupada comigo mesma por não estar "em forma" e "resistente" como eu achava que devia estar...
Enfim, mas as férias passaram, voltei ao ginásio e às pedaladas e agora sinto-me renovada e em forma, pelo que o merecido descanso teve mesmo o efeito que devia ter: recuperar e ganhar energias.
Sendo assim, penso mesmo muito em pedalar e só não o faço quando não posso e por isso este fim-de-semana teve dose tripla de bicicleta: sexta, sábado e domingo...
Na sexta-feira fui ao fim do dia, quando cheguei do trabalho, e pedalei apenas 23 quilómetros em 1h15mns, lá se foram 850 calorias.
Ontem, sábado, fui à aventura com a minha companheira das pedaladas e assim sendo fomos por caminhos desconhecidos mas não correu mal de todo num fim de dia solarengo e quente. Pedalámos também 23 quilómetros em 1h45mns que gastaram 1200 calorias. E que bem que sabe chegar a casa naquele lusco fusco, quase de noite, com uma brisa quente...
Pensava eu que tendo ido pedalar ontem ao fim do dia que hoje de manhã não estaria para aí virada mas enganei-me. Acordei cedo, o tempo estava fresco e nublado e... lá fui eu... E lá fui eu cheia de energia e por causa disso pedalei depressa e fiz muitas subidas e descidas para treinar por trilhos mais complicados e técnicos nos quais ainda perduram alguns medos e bloqueios por causa de algumas valentes quedas que dei... Tudo isto é psicológico e por isso insisto e persisto para me libertar e volta novamente a fazer descidas difíceis como fazia antes...
Ainda bem que o tempo se manteve 'fechado' durante quase toda a manhã porque assim também foi mais fácil pedalar os 38 quilómetros feitos em 2h15mns, que me fizeram transpirar imenso e que, se calhar por causa disso, me fizeram gastar mais calorias do que o habitual: cerca de 1500...
Fiz este treino matinal sem terem passado 18 ou 24 horas sobre o treino anterior mas nem sequer o senti... Quando muito tinham passado 10 horas sobre o fim da pedalada do dia anterior mas o meu corpo não estava cansado nem ressentido do dia anterior...
Só tinha na cabeça que preciso de praticar muito, principalmente as subidas, e que por isso não podia parar e muito menos desistir...
Está mesmo instalado o vício...

Sem comentários: