terça-feira, 9 de julho de 2013

E depois há dias

E depois há dias como o de hoje em que acordo e a inércia se apodera de mim.
Podia ter treinado nos rolos mas, até ver, não me apetece.
Podia ter ido fazer uma caminhada ou dar uma volta mas não me apeteceu.
Entretanto, com o avançar das horas, o calor aperta e isso faz com que me apeteça ainda menos fazer seja o que for.
Quase que me arrastei para ir beber um café e comprar pão e pronto, foi isso.
Por vezes quase não me reconheço nesta espécie de acomodação porque nem sei o que fazer tendo tanto tempo livre e não me apetecendo fazer quase nada...
É estranho isto, tudo isto... Parece que não há objetivos. Parece que há apenas uma coisa a fazer: esperar, ter paciência e recuperar...
Às vezes penso em tudo o que fazia ao mesmo tempo. Parece que era outra pessoa...

Sem comentários: