quarta-feira, 18 de setembro de 2013

Seremos normais...

Às vezes pergunto-me se eu e a minha amiga das pedaladas seremos "normais"... Temos vidas pessoais e profissionais parecidas e isso ajuda muito a que estejamos em sintonia, para além da bicicleta...
Vai daí que acho que não é toda a gente que faz o que nós fazemos...
Ontem, por exemplo, ambas saímos do trabalho a correr, a correr fomos buscar os filhotes à escola, fomos para casa a correr dar um jeito nas coisas (entenda-se casa e comida...) e a correr fomos dar uma volta de bicicleta antes que anoitecesse. Agora até temos luzes mas por causa da vida familiar não nos podíamos demorar muito.
Equipámo-nos a correr e aí fomos. Claro que não fizémos caminhos muito complicados para não demorarmos mas, ainda assim, não vimos mais ninguém a pedalar.
Fomos com o sol na cara e voltámos com o sol já escondido atrás das serras e a desaparecer no horizonte.
Pedalámos 20 kms numa hora, por estradões e afins, nada de alcatrão que só temos bikes de BTT e raramente pedalamos nas estradas... As calorias gastas essas é que foram poucas, talvez porque o esforço não foi muito grande: cerca de 600...
Como a minha amiga é super rápida, nos dias em que me sinto melhor, como ontem, tenho sempre alcançá-la e isso faz-me pedalar muito rapidamente e quase que sinto os pulmões 'a abrirem' mas... sabe bem! Ontem não me senti(a) cansada e por isso fui sempre a acompanhá-la, quase ao seu ritmo. Ainda deu para conversarmos mas como ambas sabíamos que tínhamos que regressar rapidamente para casa porque trabalhamos o dia todo e não temos empregadas, acelerámos sempre e... foi muito bom...

3 comentários:

Carla Isabel disse...

E isso é o mais importante, sentires-te bem!

Vera, a Loira disse...

Sim, são normais, acredita :)

Diz o roto ao nu.

Maria Sem Frio Nem Casa disse...

Felizmente, cada vez mais vai havendo Mulheres assim, como vós, normais! E é muitíssimo bom sinal, como poderás imaginar!