quarta-feira, 22 de janeiro de 2014

Dançando enquanto se vai pedalando

Como em tudo na vida, há aulas melhores e outras piores. Há aulas que correm bem, outras menos bem, e outras ainda que correm espetacularmente bem como foi o caso de ontem. Não sei se às vezes tem a ver com a música, se com a disposição do(a)s professore(a)s, se com a nossa vontade e energia, se com tudo junto, e por isso ontem pareceram estar reunidas todas as condições para que a pedalada quase soasse a uma dança em cima da bicicleta... A música ajudou muito e a forma como me sentia também. Estava com energia e bem disposta e por isso tudo correu sobre rodas, ou sobre pedais. Tanto pedalei de forma ultra rápida como com carga intensa mas em momento algum 'desisti' ou me senti exausta. Levanta, senta, senta, levanta, põe carga, tira carga, pedalar depressa. Foi tão bom que até tive pena quando a aula acabou. Por mim continuava mas era notório que algumas pessoas estavam já muito cansadas e aquele é o tempo da aula, 'paciência'... Deviam existir aulas com uma duração maior...
 Como sou muito imaginativa, às tantas parecia que estávamos ali numa espécie de 'seita', quer dizer, isto para os que costumam ir frequentemente a estas aulas... É que é notório que se gosta do que se está a fazer. Eu por mim falo que adoro as aulas de Cycling... Que libertação de stress, que sentimentos de 'felicidade' que ficam...
Suponho que só quem sinta o mesmo pelo Cycling entenda do que estou para aqui a falar...
:D
 
 

1 comentário:

Alexandra de Amorim disse...

Eu entendo do que estás para aí a falar! Perfeitamente :)

The gLiTtEr Side