sexta-feira, 4 de abril de 2014

E foi há um ano...

Há um ano atrás eu não imaginava que daqui a uma meia hora, mais coisa, menos coisa, iria cair da bicicleta e, pior ainda, que seria uma queda tão grave. Eu sei que pareço chata a falar disto mas sabem quando nos pedem para enumerar coisas marcantes da nossa vida...? Pois, esta foi assim uma das coisas mais brutais e violentas que aconteceu na minha vida. Foi tão 'transtornante' que equivale quase a uma morte...
Quem diria que tal coisa me iria acontecer...?
Quem diria que a minha vida iria mudar tanto...?
Hoje tenho estado sonolenta e quase sofrida com as memórias do que aconteceu. Lembro-me de tudo ao ínfimo pormenor, como se fosse hoje. Basta-me fechar os olhos e na minha cabeça visualizo tudo, desde a queda até à 'estadia' no Hospital, a operação e por aí fora.
Foram momentos, para além de dolorosos, de solidão, de introspeção, de um rever da vida...
Foi duro. E ainda é.

Sem comentários: