sexta-feira, 11 de abril de 2014

Uma pessoa chega aos 40...

Uma pessoa está a (poucos) meses de fazer 40 anos, já anda traumatizada com isso, e se há um ano atrás, neste preciso dia, mais ou menos por esta hora, dava entrada à tarde no Hospital para ficar internada e no dia seguinte ser operada ao ombro, hoje uma pessoa tem consulta médica de rotina no trabalho com um médico muito mais atencioso e prestável do que o médico de família.
E vai daí que uma vez que este mesmo médico me mandou anotar a tensão durante as últimas quatro semanas, concluí-se aquilo que ele já me tinha dito: sou oficialmente considerada uma pessoa hipertensa. A medicação vai ser para o resto da vida mas este médico é tão afável que esteve sempre a "desvalorizar" isto, no bom sentido é claro, para eu não me preocupar em demasia, que a minha vida continua a ser normal, que a medicação vai servir para normalizar a tensão e que não há nada para me preocupar.
Por despiste vou fazer uma série de exames e análises e se tudo isto estiver bem, é só mesmo tomar à risca a medicação para a hipertensão, que lindo verso...!
Até porque a minha mãe também toma medicação para a tensão alta há anos, a minha tia também e deve ser por isso algo possivelmente genético...
Apesar de não ser nada de 'importante', interiormente estou algo catatónica... Afinal, vou fazer 40 anos e neste mesmo ano passo a ser hipertensa e realmente ando a maior parte das vezes numa "pilha de nervos" mas pronto, há que interiorizar tudo isto afinal não é drama nenhum. Drama é uma doença grave, isto não é nada...
E depois a questão do exercício, foi logo a minha primeira pergunta porque pronto, tensão, pulsações, coração, exercício, é tipo um encadeamento de situações, certo...?
E felizmente sim, posso. Posso continuar a fazer todo e mais algum desporto exceto... pesos acima do nível dos ombros e ao nível da cabeça porque esforça não sei o quê do coração. Bom, eu também já não era praticante nem fã de Body Pump pelo que agora isso está mesmo fora de questão... Por causa do ombro/braço também não consigo lá muito fazer exercícios destes com os pesos, por isso é algo pacífico e tranquilo, não me afecta...

Sem comentários: