sexta-feira, 23 de maio de 2014

Cabeça e corpo

A minha cabeça, pelo menos hoje, está um pouco... 'off'... Sinto-a cansada, quase exausta, se calhar estou a ficar burra e sem cérebro, não sei...
Por outro lado, o meu corpo desanuvia a minha cabeça com a sua vontade de se exercitar. Apesar da cabeça cansada, parece que todos os problemas, pressões e 'stresses' desaparecem enquanto o meu corpo se mexe e 'trabalha'.
Portanto, vai daí que talvez esteja como que a embrutecer, não sei... É que com a cabeça cansada, o corpo não perde a vontade de se esforçar, mexer e suar...
E depois de um dia como o de ontem em que quase fiquei sem cabeça, lá fui exercitar-me e soube pela vida. Ali desaparece tudo o que me possa chatear ou perturbar. É ali que exorcizo os meus problemas e dores. Há quem tome medicação, eu exercito-me... Cada um com as suas manias...
Mas como estava a dizer lá fui trabalhar o corpo que acaba por trabalhar a mente ao aliviar-lhe o que a cansa...
Ao fazer abdominais constanto mais do mesmo: barriga viste-la por um canudo, veêm-se quase os ossos enquanto a zona abdominal se movimenta, anca e coxas, vejo-as muito bem, sem precisar de lupas ou canudos. Ali está concentrada a carne que se traduz no peso que ainda quero e preciso de perder, os tais quatro quilos. Ao fazer aqueles exercícios só pensava que me faltavam perder dois quilos em cada coxa... Patetices femininas, não é  verdade...
Bom, e depois o Cycling. Transpirei que me fartei mas às vezes sinto que, ainda que esteja em carga, que quase não me custa fazer aquilo, que precisava de mais e nem sei bem do quê...
Enquanto a maior parte das pessoas está quase a arrastar-se e a tombar sobre a bicicleta, eu estou quase 'direita' e a cantar para mim as músicas que vão passando na aula...
E é isso, a minha cabeça arrasta-se, o meu corpo dá saltos...

Sem comentários: