domingo, 11 de janeiro de 2015

Liberdade...

Para mim este é um dos momentos de liberdade. Ir a pedalar e a ver o mar, ir a pedalar até um sítio onde possa contemplar o mar... E isso aconteceu hoje. Hoje precisava de pedalar. Depois de um momento pela terra fora, meti-me ao alcatrão com a bike pesadona de BTT. Precisava de desanuviar já que ontem fui a Lisboa levar a minha mãe a casa e já se sabe que fico sempre c'a neura nestes dias. O ir ao sítio onde sempre vivi antes do Oeste, a casa dos meus pais que me viu crescer e onde ainda está o meu quarto de menina-mulher, a minha mãe que fica sozinha, enfim... Não preciso dizer mais nada   pois não...?
E assim sendo, hoje tinha que ver o mar porque eu sou como ele, o mar. Calma e serena, e num instante fico agitada, num reboliço, numa ondulação que bate nas rochas, leva-me o vento, estou azul e tranquila, fico cinzenta e rebelde...
Pedalei cerca de 58 kms e hoje soube mesmo bem. Comi quase tudo o que levava mais um café pelo caminho. Caminho esse só e solitário, só eu e o eco dos meus pensamentos em turbilhão...

1 comentário:

Gaja Maria disse...

Tão bom! Eu hoje estive de folga, constipação... :)